Concursos Públicos

Governo deposita dois pagamentos do FGTS em 2020; Qual sacar?

[ad_1]

Dois pagamentos diferentes do Fundo de Garantia por Tempo de Serviço (FGTS) podem ser sacados em 2020. Um deles é o saque-aniversário que será liberado a partir de abril, e o outro é o saque-imediato que está disponível desde 2019 e encerra prazo para saque em 31 de março. Os valores devem ser recebidos na Caixa Econômica Federal.

Se você tem dúvidas sobre as modalidades de saque do FGTS para 2020, acompanhe a seguir:

Saque-imediato pode ser de R$ 500, R$ 498,  e R$ 998

O saque-imediato do FGTS pode ser liberado nos valores de R$ 500, R$ 498 ou R$ 998. O primeiro caso foi concedido em 2019 pelo governo federal a todos os trabalhadores com dinheiro no fundo, porém ao final do ano o limite aumentou para R$ 998 apenas para quem tinha até esse valor disponível na conta até 24 de julho.

Quem tinha mais do que a quantia, continua com limite de R$ 500. Quem não tinha e já sacou os  R$ 500 pode receber mais R$ 498. Lembrando que o dinheiro estará disponível até dia 31 de março de 2020 para todos os trabalhadores, após esse prazo, o dinheiro volta para o fundo.

Quem tem Cartão Cidadão e senha pode fazer o saque diretamente no caixa eletrônico, quem não tem pode apresentar documento de identificação nas agências da Caixa.

Vale ainda reiterar que quem aderiu ao saque imediato não perde o direito ao seguro-desemprego em caso de demissão sem justa causa.

Como consultar o saldo do FGTS?

Consulte os valores disponíveis para saque do FGTS pelo link www.caixa.gov.br/beneficios-trabalhador/fgts. Abaixo da opção de saque imediato clique em “Acesse aqui”. Será solicitado o número do CPF ou NIS/PIS/Pasep, além da data de nascimento.

Pela página você também terá a opção de marcar se quer receber notificações sobre o FGTS no seu celular e ainda saber quais são os canais de pagamento.

Sobre o saque-aniversário do FGTS

Já saque-aniversário também é um modelo opcional um do FGTS  que entra em vigor este ano e permite que os trabalhadores retirem anualmente parte da quantia depositada no fundo. A modalidade teve calendário liberado no site da Caixa. Começam a receber no mês de abril os aniversariantes de janeiro e fevereiro. Quem nasceu em março e abril recebe em maio e junho.

Veja o calendário completo a seguir:

  • Aniversário em janeiro e fevereiro: saque de abril a junho de 2020
  • Aniversário em março e abril: saque de maio a junho de 2020
  • Aniversário em maio e junho: saque de junho a agosto de 2020
  • Aniversário em julho: saque de julho a setembro de 2020
  • Aniversário em agosto: saque de agosto a outubro de 2020
  • Aniversário em setembro: saque de setembro a novembro de 2020
  • Aniversário em outubro: saque de outubro a dezembro de 2020
  • Aniversário em novembro: saque de novembro de 2020 a janeiro de 2021
  • Aniversário em dezembro: saque de dezembro de 2020 a fevereiro de 2021

Importante destacar que esse calendário apenas é válido para 2020. A partir de 2021 os trabalhadores que optaram pelo saque-aniversário vão receber as quantias no mesmo mês em que fazem aniversário. Ao escolher pela modalidade, o trabalhador não poderá sacar o total caso seja demitido sem justa causa.  Será possível receber somente a multa de 40% do FGTS.

Quanto vou receber de saque-aniversário

As quantias a serem retiradas dependem de quanto o trabalhador possui no fundo de garantia. A parcela varia de  50% a 5% do valor guardado, mais um valor fixo anual que também depende do saldo. Confira a tabela abaixo:

Fonte: site da Caixa Econômica Federal

Veja também: Riachuelo abre 230 vagas de emprego para todos os níveis. Confira



[ad_2]

Source link

Back to list