Concursos Públicos

Raciocínio Lógico para concursos: Como estudar essa disciplina?

[ad_1]

Confira neste artigo dicas de como estudar Raciocínio Lógico para concursos.

Olá, tudo
bem?

Hoje traremos algumas dicas de como estudar Raciocínio Lógico para concursos, que é uma disciplina que provoca arrepios em muitos candidatos. Esse “pavor” muitas vezes é trazido da época da escola, pela aversão à matemática ou por algum trauma com a matéria.

Mas não desanime! É possível superar esse medo de Raciocínio Lógico e aprender tudo o que você precisa para alcançar sua aprovação num cargo público. Confira!

Raciocínio Lógico para concursos e Matemática: É a mesma coisa?

Como dito
anteriormente, muitos alunos já desanimam quando percebem que em seu edital haverá
a cobrança de Raciocínio Lógico. Alguns até mesmo desistem de prestar concursos
que contemplem essa disciplina pelo simples fato de temer a Matemática.

Mas é importante ressaltar que, o Raciocínio Lógico para concursos é bem diferente da Matemática que estudamos na escola. O seu edital pode trazer sim algumas cobranças que envolvam Matemática, como Probabilidade e Análise Combinatória, mas a grande maioria do conteúdo não requer que você tenha sido um aluno excepcional em Matemática, mesmo porque são assuntos que até então você provavelmente nunca estudou.

Portanto a
primeira dica é: Não tenha medo de Raciocínio Lógico!

Não
subestime essa matéria

Ao analisarmos os editais, observamos que o conteúdo de Raciocínio Lógico é quase sempre cobrado na parte de conhecimentos básicos ou gerais. Desse modo, muita gente, por pensar que serão poucos pontos, negligencia o estudo da matéria o que pode ser arriscado, visto que a concorrência está cada vez mais acirrada e cada ponto garantido é precioso.

Sendo assim,
não subestime o estudo de Raciocínio Lógico! A disciplina geralmente apresenta
um conteúdo programático enxuto e alguns pontos apresentam incidência muito
alta, ou seja, seu estudo possui um excelente custo-benefício.

Priorize
Raciocínio Lógico em sua sessão de estudos

Outra dica
importante é: Se você tem dificuldade ou não gosta da disciplina, coloque-a
como a primeira do dia em seu ciclo de estudos.

Muitas vezes deixamos aquela matéria que gostamos menos por último e nos empolgamos no estudo das que temos mais afinidade. Com isso, o estudo da matéria “chata” fica para o final do dia, quando nosso cérebro já está cansado e nosso rendimento não é mais o mesmo.

Priorize Raciocínio Lógico para concursos

Portanto, priorize as matérias que possui maior dificuldade no início de sua sessão de estudos. Dessa maneira, você não corre o risco de negligenciá-la ou de estudar o conteúdo com displicência e má vontade.

Construa
uma boa base

Cabe ainda falarmos da importância de uma boa base na disciplina de Raciocínio Lógico para concursos. Em muitos casos, a parte teórica é deixada de lado e o aluno já parte direto para os exercícios, o que pode gerar muita frustração e desânimo para quem nunca teve contato com a matéria.

Construa uma boa base em Raciocínio Lógico para concursos

Logo, não queime etapas! Construa uma base sólida e caminhe degrau por degrau, busque entender os principais conceitos teóricos, como:

  • Proposição
  • Conectivos
    lógicos
  • Tabela-verdade
  • Negação
    e equivalência

Os assuntos
acima são responsáveis por grande parte das questões de Raciocínio Lógico,
foque em aprendê-los bem.

Videoaulas

Começar o estudo de Raciocínio Lógico pela leitura da teoria pode ser um entrave para muitos alunos. Nesse caso, recomendamos que o concursando recorra às videoaulas naqueles pontos em que houver maior dificuldade.

Sabemos que não é o método mais indicado para quem tem pouco tempo para assimilar tanto conteúdo, no entanto vale a pena utilizá-lo para sanar as dúvidas e preencher as lacunas de aprendizado.

Confira abaixo uma aula gratuita de Raciocínio Lógico para concursos que disponibilizamos em nosso canal do YouTube:

Faça muitas questões

Após
entender os principais pontos da teoria é hora de praticar o que foi aprendido
e sedimentar o conhecimento.

Para isso, resolva muitas questões e aprenda a identificar os tipos de exercícios, já que muitos deles possuem um modo de resolução como se fosse uma “receita de bolo”. Ademais, as bancas repetem muitas questões de Raciocínio Lógico, ou seja, quanto mais exercícios o aluno resolver, mais apto a identificar os padrões e a aplicar as “receitas de bolo” ele estará.

Além disso, utilize as questões comentadas por professores a fim de melhorar seu entendimento dos assuntos cobrados. Pode aparecer nesses comentários novas formas de solucionar um problema, que talvez seja mais fácil do que a utilizada até então.

Faça revisões periodicamente

Mantenha um cronograma de revisões periódicas e para facilitar na revisão, construa ao longo do estudo teórico um resumo sucinto com as principais fórmulas. Mantenha-o sempre à vista de modo que o conteúdo seja memorizado mais facilmente.

Não deixe de ter contato com a matéria e mesmo que finalizada, continue a revisá-la por meio de questões e se for necessário volte às aulas escritas ou em vídeo.

Por fim, pode parecer clichê, contudo manter a disciplina e a persistência é fundamental nessa jornada de estudos para concursos. No início será mais difícil, a assimilação de conteúdo requer tempo e paciência, mas ao aplicar dicas como as apresentadas acima, será possível sim aprender Raciocínio Lógico para concursos e se aproximar ainda mais do sonho de se tornar um(a) servidor(a).

Deixe nos comentários
se essas dicas te ajudaram e nos envie também suas dúvidas ou sugestões.

Não desanime! Siga em frente e ótimos estudos!

ASSINE AGORA – Assinatura Ilimitada

Fique por dentro de todos os concursos!

CONCURSOS ABERTOS

CONCURSOS 2020

[ad_2]

Source link

Back to list