Processo seletivo Prefeitura de Morro Reuter



O processo seletivo Prefeitura de Morro Reuter, no Rio Grande do Sul, anuncia vagas para duas Secretarias Municipais. Confira o cargo em disputa.

Dois novos editais referentes ao processo seletivo Prefeitura de Morro Reuter, município localizado no estado do Rio Grande do Sul, foram anunciados. O objetivo da seleção é formar cadastro reserva no cargo de Motorista, para atuação em diferentes Secretarias Municipais.

Fique atento, pois já foi publicada uma retificação corrigindo alguns itens dos editais. Para conferir o documento, assim como os editais do processo seletivo Prefeitura de Morro Reuter, acesse o site da Prefeitura Municipal.

Editais anunciados

Os dois editais publicados pela Prefeitura de Morro Reuter, tem por objetivo a contratação de Motorista, sendo que o edital nº 056/2021 é para a Secretaria Municipal de Obras e o edital nº 057/2021 é para a Secretaria Municipal de Educação.

Para concorrer às vagas, é necessário possuir o ensino fundamental incompleto, idade mínima de 18 anos, CNH D, experiência prática com veículos automotores, comprovação de isenção de multas de trânsito nos últimos 12 meses, entre outros requisitos (confira na lista de documentos exigidos).

O vencimento é de R$ 1.749,45 para atuação em jornada de 44 horas semanais, podendo ser exigido trabalho noturno, aos sábados, domingos e feriados, conforme plantões e sobreaviso.

Processo seletivo Prefeitura de Morro Reuter: inscrições

As inscrições já estão abertas e poderão ser realizadas entre os dias 18 e 24 de junho de 2021 na sede da Prefeitura Municipal, que fica na Travessa 1º de Maio, nº 16, centro de Morro Reuter – RS.

O horário de atendimento é segunda a quinta-feira, das 08h às 11h e das 13h às 16h15, e na sexta-feira, das 08h às 12h30.

Confira a documentação que deverá ser apresentada pelo candidato:

  • Original e cópia da identidade oficial com foto e CPF;
  • Original e cópia do comprovante de quitação com as obrigações militares;
  • Certidão de quitação com a Justiça Eleitoral, que pode ser emitida no site do TSE;
  • Alvará de folha corrida emitido pelo Tribunal de Justiça do Estado ou Comarca em que o candidato residir, constando a negativa de processos cíveis e crimes ou sua especificidade, se existentes;
  • Original e cópia do comprovante da escolaridade exigida;
  • CNH na categoria D;
  • Comprovação de isenção de multas de trânsito nos últimos 12 meses;
  • Para os candidatos do edital nº056/2021: comprovação de experiência prática com veículos automotores;
  • Para os candidatos do edital nº 057/2021: comprovação de experiência prática com ônibus escolar e comprovação atualizada dos cursos CETE CNH – Curso Específico de Transporte Escolar e CETCP CNH – Curso Específico de Transporte Coletivo de Passageiros, com validade mínima de 12 meses, a partir da data de início do contrato;
  • Ficha de inscrição preenchida em duas vias, conforme modelo disponibilizado no anexo do edital;
  • Originais e cópias da documentação que comprove as informações prestadas na ficha de inscrição.

Não haverá cobrança de taxa de inscrição.

Processo seletivo Prefeitura de Morro Reuter: seleção

A avaliação dos candidatos se dará por meio de uma prova de títulos, que valerá até 20 pontos, e por uma prova prática, que valerá 80 pontos. Confira os critérios de pontuação no processo seletivo Prefeitura de Morro Reuter:

Título Pontuação por título Pontuação máxima
Experiência Profissional na área 2 pontos por ano 10 pontos
Tempo de habilitação na categoria D 2 pontos por ano de habilitação 10 pontos

A prova prática será realizada na data provável de 03 de julho de 2021, às 08h, na Secretaria Municipal de Obras ou na Secretaria Municipal de Educação, conforme cada um dos editais. O candidato deverá comparecer munido de sua CNH.

A prova prática para o edital nº 056/2021 (Secretaria Municipal de Obras) será realizada em um Ford Cargo, Modelo 1722, Ano 2010 ou Mercedes, Modelo 2423, Ano 2002.

Já para o edital nº 057/2021 (Secretaria Municipal de Educação), a prova será realizada em Ônibus modelo VW/15 190 EOD e HD ORE, lotação 60 lugares, ano/modelo 2019/2020 ou Ônibus modelo VW/15 190 EOD e HD ORE, lotação 43 lugares, ano/modelo 2013.

Critérios de desempate

Para efeitos de classificação entre candidatos com a mesma pontuação, terá preferência aqueles que possuir a idade mais avançada, entre os candidatos com idade igual ou superior a 60 anos.

Se persistir o empate, será realizado sorteio em ato público.

Mais informações

O prazo de validade do processo seletivo é de dois anos, sendo admitida uma única prorrogação por igual período.

Demais informações poderão ser obtidas com o executivo municipal pelos telefones (51) 3569-1678, (51) 3569-1454, (51) 3569-2458 ou (51) 3569-2030. Os ramais do Departamento de Pessoal são: 227 e 221. Caso prefira, utilize o e-mail [email protected]

Processos seletivos anteriores

Com inscrições realizadas até o dia 18 de junho, a Prefeitura de Morro Reuter abriu uma seleção para contratar Contador, com vencimento de R$ 4,5 mil e jornada de 34 horas semanais. Essa seleção foi regida pelo edital nº 054/2021.

No final de maio, três editais referentes ao processo seletivo Prefeitura de Morro Reuter foram anunciados. Os editais nº 041, 042 e 043/2021 preencheram, respectivamente, vagas para Professor de Anos Iniciais do Ensino Fundamental, Professor de Língua Alemã e Professor de Matemática.

Antes disso, no mês de abril, o edital nº 035/2021 ofertou oportunidade no cargo de Operário, para atuação em jornada de 44 horas semanais e com vencimento de R$ 1.249,60.

Compartilhe



Source link

Privatização da Eletrobras é aprovada; conta de luz pode encarecer


O texto votado no Senado autoriza a privatização da Eletrobras. Mas, por causa das mudanças feitas, a MP precisará receber novo aval da Câmara.

privatização da Eletrobras: a imagem mostra a logo da empresa

Veja porque a desestatização pode aumentar o valor das contas de energia. – Foto: Logo / Divulgação

A medida provisória que viabiliza a privatização da Eletrobras, maior distribuidora de energia elétrica da América Latina, foi aprovada no Senado Federal esta quinta-feira (17/06). O plenário contou com 42 votos a favor e 37 contra. Antes da votação, o relator da proposta, Marcos Rogério, alterou o texto três vezes e apresentou 570 emendas.

“A MP representa um marco histórico no desenvolvimento do setor elétrico brasileiro. É a prova cabal de que o setor atingiu a maturidade plena e já pode caminhar com as próprias pernas, prescindindo da gestão estatal, bem como de recursos das arcas públicas”, defendeu o relator.

A maioria dos trechos sem relação com o objeto original da proposta foram mantidos. Entretanto, como a MP sofreu algumas alterações, precisará ser votada na Câmara novamente e receber o aval dos deputados. O novo plenário deve acontecer no próximo dia 21 de junho de 2021, um dia antes de a proposta perder a validade.

Segundo o governo federal, a privatização da Eletrobras irá reduzir em até 7,36% o valor das contas de luz. Mas não há certeza quanto a isso, uma vez que outras entidades do setor elétrico acredita que os valores vão aumentar.

Privatização da Eletrobrás exige contratação de termelétricas

Um dos pontos aprovados na MP foi a contratação de usinas termelétricas movidas a gás natural, que demandam mais dinheiro para produzir energia quando comparadas às usinas hidrelétricas, eólicas e solares. Esse fator pode culminar no encarecimento das contas de luz. Outro ponto que pode aumentar os valores é que parte das regiões não possui infraestrutura de transporte de gás natural.

Sendo assim, será preciso construir gasodutos nessas áreas. De acordo com o governo, essas indústrias irão substituir as térmicas que utilizam óleo combustível e carvão para gerar energia. Para isso, o texto define que as usinas termelétricas comecem a operar entre os anos de 2026 e 2030, em contratos de 15 anos. Além disso, a potência definida pelos senadores subiu de 6 mil megawatts (MW) para 8 mil MW.

Tudo isso deve ser repassado ao consumidor aumentando o preço das contas de luz. Hoje, o Brasil tem 22 mil MW de potência de geração térmica e, com a privatização da Eletrobrás, a capacidade de geração térmica do país será ampliada em 36%. 

A proposta também estabelece onde deverão ser instaladas essas usinas e como serão divididas:

  • Nordeste: 1 mil MW em regiões metropolitanas cuja capital não possua fornecimento de gás natural;
  • Norte: 2,5 mil MW, com térmicas em pelo menos duas capitais sem fornecimento de gás;
  • Centro-Oeste: 2,5 mil MW  nas capitais ou regiões metropolitanas que não possuem fornecimento de gás; e
  • Sudeste: 2 mil MW, sendo 1,25 mil MW para os estados produtores de gás e 0,75 para os não produtores, que é o caso de Minas Gerais.

Outros trechos que podem encarecer a conta de luz

  • Pequenas Centrais Hidrelétricas (PCHs): são usinas menores com potência para gerar energia de até 50MW em reservatórios de até três quilômetros quadrados. No entanto, a energia produzida não é controlada pelo Operador Nacional do Sistema Elétrico (ONS). Além disso, a medida cria a reserva de mercado que, segundo especialistas, fere o princípio da livre concorrência nos leilões;
  • Incentivo a fontes alternativas: foi incluído no texto de privatização da Eletrobras a prorrogação dos contratos do Programa de Incentivos às Fontes Alternativas de Energia Elétrica (Proinfa) por mais 20 anos. No entanto, especialistas indicam que o preço pago pela energia dos projetos do Proinfa é maior que o valor de mercado e deve encarecer as contas de luz;
  • Indenização ao Piauí: o estado do Piauí será indenizado por causa da desestatização da Cepisa, a distribuidora local de energia, que aconteceu em 2018. A Eletrobras deverá pagar cerca de R$ 260 milhões até 2023 e os custos serão repassados aos consumidores.
Isadora Tristão

Redatora

Nascida na cidade de Goiânia e formada em Jornalismo pela Universidade Federal de Goiás, hoje, é redatora no site “Concursos no Brasil”. Anteriormente, fez parte da criação de uma revista voltada para o público feminino, a Revista Trendy, onde trabalhou como repórter e gestora de mídias digitais por dois anos. Também já escreveu para os sites “Conhecimento Científico” e “KoreaIN”. Em 2018 publicou seu livro-reportagem intitulado “Césio 137: os tons de um acidente”, sobre o acidente radiológico que aconteceu na capital goiana no final da década de 1980.

Compartilhe



Source link

WhatsApp cria recurso para esconder mensagens no aplicativo


O aplicativo WhatsApp, está com uma nova atualização que permite arquivar mensagens permanentemente. A função ainda não está disponível para todos os usuários.

whatsapp esconder mensagens: a imagem mostra a logo do WhatsApp

Veja como ativar a funcionalidade. – Foto: WhatsApp

Nesta quarta-feira (16/06) o WhatsApp lançou o recurso chamado “Novo Arquivo”, permitindo que os usuários escondam mensagens dentro do aplicativo. A funcionalidade está liberada apenas para a versão beta do app para iPhone (iOS), por enquanto. 

Inicialmente a ferramenta permitia arquivar os chats, mas retornava a conversa para a lista principal sempre que uma nova mensagem chegava. Nesse formato, a ação já está disponível para todos os clientes da plataforma. De acordo com informações do portal WABetaInfo, agora, as conversas poderão ser arquivadas permanentemente e as notificações silenciadas.

Dessa forma, o app garante que seus usuários tenham mais privacidade e gera maior dificuldade de terceiros acessarem os chats. Assim como a função precisa ser ativada pela pessoa, os chats também precisam ser desarquivados manualmente para retornarem à tela inicial. 

Como habilitar o recurso de esconder conversas do WhatsApp?

A função de arquivar mensagens no WhatsApp precisa ser habilitada individualmente por cada usuário para funcionar. Sendo assim, se o seu celular já tem a ferramenta liberada, siga os passos:

  1. Vá na aba “Conversas”;
  2. Clique nos três pontinhos no canto superior direito do aplicativo;
  3. Vá em “Configurações”;
  4. Clique em “Conversas”; e
  5. Selecione “Manter chats arquivados”.

Para reverter a ação, basta seguir os mesmos passos e desativar a ferramenta. Dessa forma, as conversas escondidas voltarão para lista da tela principal do WhatsApp quando novas mensagens forem enviadas. A funcionalidade pode ser usada em chats entre dois usuários ou em grupos, colocando-os em uma pasta privada dentro do app.

Outras atualizações do WhatsApp

Recentemente, a plataforma também fez uma atualização nas mensagens de voz, permitindo que os clientes aumentem a velocidade do recado. Assim, você pode ouvir áudios até duas vezes mais rápido. Além disso, o aplicativo também liberou backup das informações para o Google Drive por meio de uma chave criptografada individual.

Dessa forma, tudo o que for repassado para a ferramenta do Google terá uma senha específica, dificultando o acesso de outras pessoas aos dados. Essa chave será composta por 64 caracteres, contando com letras (minúsculas e maiúsculas), números e dígitos especiais.

Para acessar as informações salvas no Drive, será necessário utilizar essa chave, que também vale para recuperação de dados. A ideia é trazer mais segurança e privacidade para os usuários do WhatsApp.

Isadora Tristão

Redatora

Nascida na cidade de Goiânia e formada em Jornalismo pela Universidade Federal de Goiás, hoje, é redatora no site “Concursos no Brasil”. Anteriormente, fez parte da criação de uma revista voltada para o público feminino, a Revista Trendy, onde trabalhou como repórter e gestora de mídias digitais por dois anos. Também já escreveu para os sites “Conhecimento Científico” e “KoreaIN”. Em 2018 publicou seu livro-reportagem intitulado “Césio 137: os tons de um acidente”, sobre o acidente radiológico que aconteceu na capital goiana no final da década de 1980.

Compartilhe



Source link

Processo seletivo Prefeitura de São José de Ribamar


Processo seletivo Prefeitura de São José de Ribamar contempla 342 vagas imediatas, além de 1.010 em cadastro reserva. Vencimentos de R$ 2.992,67. Confira.

A Prefeitura de São José de Ribamar, no estado do Maranhão, anunciou o seu mais novo processo seletivo. Conforme o edital de nº 001/2021, serão preenchidas 342 vagas imediatas para professores, além de 1.010 oportunidades em cadastro reserva. O processo seletivo Prefeitura de São José de Ribamar garante vencimentos de R$ 2.992,67 em jornadas de 20 horas semanais.

Aqueles que se classificarem vão atuar conforme as necessidades da Secretaria Municipal de Educação. Todas as etapas do certame estão sob a responsabilidade da Fundação Sousândrade de Apoio ao Desenvolvimento da UFMA (FSADU). Em nossa matéria, você confere mais detalhes sobre o processo seletivo Prefeitura de São José de Ribamar.

Processo seletivo Prefeitura de São José de Ribamar: cargos e vagas

  • Professor Pedagogo – Anos Iniciais, do 1º ao 5º ano: 131 vagas imediatas, sendo 07 para PcDs. Haverá cadastro reserva para 391 profissionais. Para se candidatar, é necessário ter licenciatura plena em Pedagogia ou licenciatura em magistério para as séries iniciais do ensino fundamental;
  • Professor Pedagogo – Educação Infantil: 72 vagas imediatas, sendo 05 para PcDs. Haverá cadastro reserva para 212 profissionais. Para se candidatar, é necessário ter licenciatura plena em Pedagogia ou licenciatura em magistério para as séries iniciais do ensino fundamental;
  • Professor Especialista em Educação Especial: 28 vagas imediatas, sendo 01 para PcDs. Haverá cadastro reserva para 85 profissionais. Todas as vagas serão destinadas para candidatos com licenciatura plena em Pedagogia, com especialização em Educação Especial;
  • Intérprete de Libras: 06 vagas imediatas, sendo 01 para PcDs. Haverá cadastro reserva para 16 profissionais. Para se candidatar, é necessário ter licenciatura em qualquer área e curso de Língua Brasileira de Sinais, com carga horária de 120 horas, ou especialização em Educação Especial na área de surdez. Outra possibilidade é ter curso superior e certificado em Programa Especial de Formação Pedagógica, com habilitação em Libras;
  • Professor de Ciências: 14 vagas imediatas, sendo 01 para PcDs. Haverá cadastro reserva para 41 profissionais. Para concorrer às oportunidades, é necessário ter licenciatura plena em Ciências ou licenciatura em Biologia, Física e Química;
  • Professor de Educação Física: 28 vagas imediatas, sendo 01 para PcDs. Haverá cadastro reserva para 85 profissionais. Para concorrer às oportunidades, é necessário ter licenciatura plena em Educação Física;
  • Professor de Geografia: 13 vagas imediatas, sendo 01 para PcDs. Haverá cadastro reserva para 38 profissionais. Para concorrer às oportunidades, é necessário ter licenciatura plena em Geografia;
  • Professor de História: 12 vagas imediatas, sendo 01 para PcDs. Haverá cadastro reserva para 35 profissionais. Para concorrer às oportunidades, é necessário ter licenciatura plena em História;
  • Professor de Língua Estrangeira – Inglês: 14 vagas imediatas, sendo 01 para PcDs. Haverá cadastro reserva para 41 profissionais. Para concorrer às oportunidades, é necessário ter licenciatura plena em Letras, com habilitação em Língua Inglesa;
  • Professor de Língua Portuguesa: 10 vagas imediatas, sendo 01 para PcDs. Haverá cadastro reserva para 29 profissionais. Para concorrer às oportunidades, é necessário ter licenciatura plena em Letras;
  • Professor de Matemática: 09 vagas imediatas, sendo 01 para PcDs. Haverá cadastro reserva para 26 profissionais. Para concorrer às oportunidades, é necessário ter licenciatura plena em Matemática ou licenciatura em Ciências, com habilitação em Matemática;
  • Professor de Filosofia: 03 vagas imediatas, sendo 01 para PcDs. Haverá cadastro reserva para 07 profissionais. Para concorrer às oportunidades, é necessário ter licenciatura plena em Filosofia;
  • Professor de Artes: 02 vagas imediatas, sendo 01 para PcDs. Haverá cadastro reserva para 04 profissionais. Para concorrer às oportunidades, é necessário ter licenciatura plena em Artes.

Processo seletivo Prefeitura de São José de Ribamar: inscrições

As inscrições, pelo site da banca organizadora (FSADU), serão provavelmente recebidas a partir das 10h do dia 21 de junho até as 18h do dia 05 de julho de 2021. Conforme o edital de abertura, os candidatos deverão pagar uma taxa no valor de R$ 100,00.

A isenção do pagamento, por sua vez, poderá ser solicitada pelos candidatos que:

  • Estiverem inscritos no Cadastro Único do Governo Federal (CadÚnico);
  • Forem membros de família com baixa renda, ou seja, até três salários mínimo no total ou até meio salário mínimo por pessoa da unidade familiar.

Detalhe importante: as inscrições, em momento oportuno, serão confirmadas por meio de um documento, que ficará disponível no site da banca. Nele, os candidatos terão conhecimento de todos os detalhes a respeito da prova de títulos, como data, horário e local para entrega da documentação.

Dúvidas?

Em caso de quaisquer dúvidas, entre em contato com a Fundação Sousândrade de Apoio ao Desenvolvimento da UFMA (FSADU). Até porque ela está responsável pela organização do certame.

Veja os canais de atendimento:

Os atendimentos ocorrem em dias úteis, de segunda a sexta-feira, das 8h às 12h e das 13h às 17h.

Processo seletivo Prefeitura de São José de Ribamar: prova de títulos

Para a etapa classificatória do processo seletivo Prefeitura de São José de Ribamar, somente serão aceitas as cópias dos títulos que estiverem autenticadas em cartório. Elas devem estar acompanhadas do “Formulário de Encaminhamento de Documentos para a Prova de Títulos”. O modelo desse documento ficará disponível no site da banca.

Acompanhe os critérios que vão ser adotados pelos avaliadores quando forem atribuir a notas (valor máximo de 30,0 pontos):

  • Doutorado na área da Educação: 6,0 pontos;
  • Mestrado na área da Educação: 4,0 pontos;
  • Especialização na área da Educação: 3,0 pontos por título, com valor de até 6,0 pontos;
  • Curso de graduação: 2,0 pontos;
  • Curso de aperfeiçoamento na área de Tecnologias Educacionais (mínimo de 60 horas, tendo sido realizado entre 2018 e 2021): 0,5 ponto por curso, com valor de até 1,0 ponto;
  • Experiência profissional como Professor da Educação Básica: 0,5 ponto para cada mês, com valor de até 10,0 pontos.

Processo seletivo Prefeitura de São José de Ribamar: edital

O processo seletivo terá um ano de validade, contando a partir de sua homologação. É possível que a Prefeitura de São José de Ribamar prorrogue uma única vez por igual período, mas tudo dependerá dos critérios adotados.

Para mais informações, leia o edital completo no site da banca organizadora (FSADU)!

Bruno Destéfano

Redator

Nasceu no interior de Goiás e se mudou para a capital, Goiânia, no início de 2015. Seu objetivo era o de cursar Jornalismo na UFG. Desde o fim de sua graduação, já atuou como roteirista, gestor de mídias digitais, assessor de imprensa na Câmara Municipal de Goiânia, redator web, editor de textos e locutor de rádio. Escreveu dois livros, sendo um de ficção e outro de não-ficção. Também recebeu prêmios pela produção de um podcast sobre temas raciais e por seu livro-reportagem “Insurgência – Crônicas de Repressão”. Atualmente, trabalha como redator web no site “Concursos no Brasil” e está participando de uma nova empresa no ramo de marketing digital.

Compartilhe



Source link

R$ 54 bilhões pagos indevidamente


Até agora, apenas 10% do auxílio emergencial recebido indevidamente foi devolvido. Desse total, mais de R$ 900 milhões foram estornados pelo IR 2021.

devolução auxílio emergencial: a imagem mostra a logo do auxílio emergencial em fundo azul

A devolução é feita por pagamento de GRU. – Foto: Logo / Divulgação

Documento entregue à Câmara dos Deputados pelo Tribunal de Contas da União (TCU) informava que R$ 54,7 bilhões foram pagos indevidamente por meio do auxílio emergencial e precisam ser devolvidos. O TCU também analisou os dados do IBGE, juntamente com a Controladoria-Geral da União (CGU), cancelando 3,7 milhões de cadastros.

O valores são referentes ao ano de 2020, indicando que aposentados e servidores públicos civis e militares tiveram acesso ao benefício, sem ter direito aos pagamentos. Vários casos de golpes e fraudes também foram percebidos, como nos casos de criminosos em regime fechado e pessoas que moram no exterior Isso significa que muitas brasileiros que deveriam ter recebido as parcelas acabaram ficando sem.

“De certa forma, isso já era esperado. Ao longo dos meses centenas de milhares de pessoas ficam inelegíveis. A gente pode citar pessoas que conseguem seguro-desemprego, conseguem benefícios do INSS e até pessoas que vêm a óbito”, explicou o secretário de Controle Externo da Previdência, do Trabalho e da Assistência Social, João Ricardo Pereira.

Segundo ele, isso aconteceu porque as verificações cadastrais aconteceram apenas no pagamento da primeira parcela do auxílio emergencial. “Em um país continental como o nosso, há uma mudança significativa das condições das pessoas de um mês para o outro”, comentou. Agora, a Câmara está realizando uma investigação em cima das informações.

Como fazer a devolução do auxílio emergencial?

As pessoas que receberam alguma parcela mesmo não se encaixando nos critérios precisa fazer a devolução do auxílio emergencial indevido. Para isso, o Ministério da Cidadania (MC) criou um portal específico para que o estorno dos valores seja feito por meio de Guia de Recolhimento da União (GRU). Então, basta:

  • Acessar o site do MC;
  • Inserir o CPF e preencher os dados solicitados;
  • Gerar e imprimir o boleto;
  • Efetuar o pagamento no Banco do Brasil (pela internet, caixas eletrônicos ou atendimento presencial).

R$ 900 milhões do auxílio emergencial foram devolvidos no IR 2021

A declaração do Imposto de Renda 2021 trouxe uma nova regra para quem recebeu as parcelas de R$ 600 e R$ 300 do governo em 2020. Quem somou rendimentos tributáveis acima de R$ 22.847,76 com o benefício precisaram declarar os valores e devolver o auxílio emergencial via Documento de Arrecadação de Receitas Federais (DARF).

Até agora a Receita Federal recebeu 311.931 de pagamentos, que somam R$ 903.081.265,93. No total, contando com valores recebidos antes do IR 2021, o Tesouro Nacional somou R$ 5 bilhões devolvidos do auxílio emergencial. Ainda estima-se que outras três milhões de pessoas estornem os valores. Essas estão sendo comunicadas sobre o benefício não declarado.

Vale ressaltar que quem somou rendimentos inferiores ao estipulado, não precisou declarar nem devolver a quantia. 

Famílias ficam em situação de vulnerabilidade

Além da devolução do auxílio emergencial, outro ponto que vem sendo criticado em relação ao benefício é a redução do público atendido. Por causa de um orçamento reduzido em 2021, muitas pessoas ficaram sem as parcelas de R$ 150 a R$ 375. Especialmente após o reforço dos critérios, que tinham o objetivo de evitar fraudes, mas acabaram impedindo que pessoas necessitadas tivessem acesso ao dinheiro. 

O presidente da Rede Brasileira de Renda Básica, Leandro Teodoro Ferreira, acredita que os “benefícios sociais estão corroídos hoje. E o governo tem sido cada vez menos capaz de reduzir as desigualdades”. Quem teve o auxílio emergencial negado em 2021 ainda poderá recorrer ao resultado até o dia 22 de junho (terça-feira).

De acordo com dados da Fundação Getúlio Vargas (FGV), o aumento das restrições e os pagamentos menores culminou em 125 milhões de brasileiros com dificuldade de comprar alimentos. A FGV informou ainda que a extrema pobreza chegou a atingir 2,3% da população brasileira e 43% dos beneficiários tiveram queda em suas rendas por causa da pandemia.

Orientações para quem foi vítima de fraude

Além dos dados, a Receita Federal liberou orientações para pessoas que sofreram golpes, mas tiveram o auxílio emergencial identificado no IR. Nesses casos, é necessário fazer uma contestação no site do Ministério da Cidadania, na página do benefício. Lá, o cidadão poderá registrar o fato. Ou, se preferir, pode ligar no telefone 121 e fazer a reclamação.

Depois disso, o Ministério da Cidadania irá avaliar a situação de cada um e comunicar à Receita. Então, a notificação que avisa sobre a devolução do auxílio emergencial deixará de ser emitida pela Declaração de Ajuste Anual do IRPF (DIRPF). O órgão informou ainda que a declaração do benefício deixará de ser exigida nos controles de pós-entrega do IR.

Isadora Tristão

Redatora

Nascida na cidade de Goiânia e formada em Jornalismo pela Universidade Federal de Goiás, hoje, é redatora no site “Concursos no Brasil”. Anteriormente, fez parte da criação de uma revista voltada para o público feminino, a Revista Trendy, onde trabalhou como repórter e gestora de mídias digitais por dois anos. Também já escreveu para os sites “Conhecimento Científico” e “KoreaIN”. Em 2018 publicou seu livro-reportagem intitulado “Césio 137: os tons de um acidente”, sobre o acidente radiológico que aconteceu na capital goiana no final da década de 1980.

Compartilhe



Source link

Processo seletivo Prefeitura de Apiúna


Processo seletivo Prefeitura de Apiúna, em Santa Catarina: novo edital é divulgado. A oportunidade agora é para o cargo de Enfermeiro.

O edital nº 07/2021 referente ao Processo seletivo Prefeitura de Apiúna, Santa Catarina, oferece oportunidades para o cargo de Enfermeiro. Os interessados em se candidatar à vaga deverão possuir ensino superior completo em Enfermagem e registro no Conselho Regional de Enfermagem – COREN.

A remuneração ofertada é de R$ 4.177,17 mais adicional de insalubridade e auxílio-alimentação para jornadas de 40h semanais.

Inscrição no processo seletivo Prefeitura de Apiúna

Os interessados em realizar o registro no processo seletivo deverão possuir os requisitos básicos para contratação, como: idade mínima de 18 anos; nível de escolaridade exigido e aptidão física e mental.

Para se inscrever, os candidatos precisarão enviar para o e-mail: [email protected] entre o dia 21 de junho de 2021 até as 23h59 do dia 21 de julho de 2021, os seguintes documentos em formato PDF ou JPG:

  • Identidade e Carteira de Pessoa Física (CPF);
  • Certificado de conclusão ou diploma de graduação em Enfermagem;
  • Ficha de inscrição preenchida e assinada;
  • Certificados em cursos complementares, se possuir.

Para ter acesso a ficha de inscrição, o candidato deverá acessar ao edital, disponibilizado no site da Prefeitura de Apiúna.

Critérios de classificação

A classificação no processo seletivo se dará por meio de análise dos títulos enviados pelos participantes. Ao final da somatória, os candidatos poderão obter no máximo 100 pontos, distribuídos da seguinte maneira:

  • Nível superior em Enfermagem: 10 pontos cada, podendo ser apresentado no máximo 1;
  • Curso de pós-graduação ou especialização: 10 pontos cada, podendo ser apresentado no máximo 2;
  • Cursos de capacitação ou aperfeiçoamento: 20 pontos cada, podendo ser apresentado no máximo 2;
  • Mestrado ou doutorado: 30 pontos cada, podendo ser apresentado no máximo 1.

Os candidatos que possuírem alguma das formações descritas acima deverão encaminhar, junto ao e-mail de inscrição, as fotocópias autenticadas dos diplomas e/ou certificados de conclusão dos cursos para complementar a pontuação.

Caso os concorrentes façam a mesma pontuação, haverá desempate através dos seguintes critérios:

1) maior idade; 2) maior número de filhos menores de 18 anos ou incapazes; 3) sorteio público.

Condições de contratação

O contrato terá duração máxima de um ano, podendo ser rescindido antecipadamente por parte da prefeitura de Apiúna. A seleção é em caráter temporário emergencial devido à pandemia da COVID-19.

Os selecionados atuarão sob regime jurídico, com base nas Leis Complementares n° 169, de 20 de setembro de 2017, n° 78, de 08 de dezembro de 2005, e nº 82, de 11 de setembro de 2006, contando com suas modificações e normas pertinentes.

Mais informações sobre o processo seletivo Prefeitura de Apiúna

Dúvidas e outras informações sobre o seletivo poderão ser retiradas através da Secretaria Municipal de Saúde, localizada na Avenida Florianópolis nº 183, bairro Centro, cidade de Apiúna, Santa Catarina, ou através dos números: (47) 3353-2500; 3353-2528; 3353-2531; (47) 98811-0416 (Marlene); ou (47) 98857-5289 (Marciane).

Para acessar ao edital, acesse o site da prefeitura de Apiúna, no qual ele está disponível.

Thaís Ferreira

Assistente de Redação

Graduada em Letras – Português pela Universidade Federal de Goiás (2020). Atuou durante 3 anos no ensino de Língua Portuguesa para alunos indígenas na graduação pela UFG/RC. Atualmente é Assistente de Redação pelo Concursos no Brasil, atuando no arquivo jornalístico e produzindo conteúdos para o site. Adora literatura, viagens, família e natureza.

Compartilhe



Source link

Processo seletivo CIS – AMOSC: edital e inscrições


Processo seletivo CIS – AMOSC (Consórcio Intermunicipal de Saúde de Santa Catarina) oferece remuneração de R$ 2.644,16.

Divulgado o edital nº 001/2021, referente ao processo seletivo CIS – AMOSC (Consórcio Intermunicipal de Saúde de Santa Catarina), com objetivo de preencher uma vaga para profissional de nível superior. 

A oportunidade do certame é para Contador. Para concorrer ao cargo, é necessário atender aos requisitos:

  • Curso superior de Bacharel em Contabilidade;
  • Registro no respectivo órgão da profissão.

O profissional contratado vai atuar em jornadas de 20 horas semanais por remuneração de R$ 2.644,16.

Inscrições no processo seletivo CIS – AMOSC

Os interessados devem solicitar inscrição, exclusivamente de forma presencial, até o dia 21 de junho de 2021.

Será necessário comparecer à Sede do Consórcio, localizada na Rua Adolfo Konder, nº 33D, Bairro Jardim Itália, Chapecó – SC. O horário de atendimento será das 08h às 11h30 e das 13h30 às 17h, com a documentação solicitada em edital (original e cópias):

  • Carteira de Identidade (RG);
  • Comprovante de habilitação e inscrição no órgão de classificação;
  • Comprovante de Residência;
  • Certidão de Nascimento dos filhos;
  • Histórico Escolar ou Diploma;
  • Diploma e Certificados das Titulações para análise e pontuação.

Etapa do processo seletivo CIS – AMOSC

Os profissionais inscritos neste processo de seleção serão avaliados por meio de uma única etapa, que consiste em prova de títulos, onde serão pontuados os seguintes critérios:

Títulos Pontuação mínima Pontuação máxima
Experiência na área pública como Contador 3 pontos por ano trabalhados 60 pontos
Pós–graduação na área específica da contabilidade pública 20 pontos 40 pontos
Pós–graduação em Administração/Gestão Pública 10 pontos 20 pontos
Pós–graduação em outras áreas relacionadas à contabilidade 5 pontos 10 pontos 

Critérios de desempate

Havendo empate na classificação final, terá preferência:

  1. Candidato com maior tempo de serviço na área;
  2. Candidato com maior titulação;
  3. Candidato com maior idade;
  4. Candidato com maior número de filhos. 

Edital e outras informações

O processo seletivo terá validade por seis meses, podendo ser prorrogado por igual período.

Demais informações podem ser conferidas no edital de abertura, disponível no site do Consórcio Intermunicipal de Saúde de Santa Catarina.

Márcia Andréia

Redatora

Jornalista no Portal Concursos no Brasil, estudou Comunicação Social, com habilitação em Jornalismo, na Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia (UESB), pós-graduanda em Publicidade e Propaganda pela Faculdade Dom Alberto.
Atuou na produção da Record Bahia, na assessoria de comunicação da Prefeitura de Correntina – BA, na redação do Jornal do Sudoeste, dentre outras atividades na área de propaganda.

Compartilhe



Source link

Processo seletivo Prefeitura de Barretos -SP: edital e inscrições



Processo seletivo Prefeitura de Barretos tem oportunidades para Professores. Jornadas de trabalho semanal variam entre 30 e 40 horas. Saiba mais.

A Prefeitura de Barretos, no estado de São Paulo, anunciou o seu mais novo processo seletivo. Conforme o edital de nº 002/2021, serão fornecidas vagas temporárias e formação de cadastro reserva para profissionais de nível superior para Professores. O processo seletivo Prefeitura de Barretos contempla vencimentos entre R$ 19,12 e R$ 21,59 a hora/aula para aqueles que se classificarem.

Os cargos ofertados são:

  • Professor II de Atendimento Educacional Especializado (AEE);
  • Professor II de Libras;
  • Professor II de Braile;
  • Professor II de Português;
  • Professores II de Geografia;
  • Professor II de Ciências;
  • Professor II de Artes;
  • Professor II de Inglês;
  • Professor de Educação Básica I – Programa de Recuperação de Aprendizagem (P.R.A.);
  • Professor II de Língua Portuguesa – Programa de Recuperação de Aprendizagem (P.R.A.);
  • Professor II de Matemática – Programa de Recuperação de Aprendizagem (P.R.A.).

No edital, é possível conferir os requisitos básicos e específicos para concorrer. A remuneração varia de acordo com a carga horária a ser trabalhada:

  • Função Professor II: Remuneração de R$ 21,59 a hora/aula, com carga horária semanal até 40 horas;
  • Função Professor I: Remuneração de R$ 19,12 a hora/aula, com carga horária semanal de até 30 horas.

Inscrições ao processo seletivo Prefeitura de Barretos SP

Os candidatos interessados devem preencher ficha de inscrição online no site da Secretaria de Educação da Prefeitura de Barretos até 27 de junho de 2021.

No ato da inscrição, o candidato deverá informar:

  • Dados pessoais;
  • Funções para as quais deseja se inscrever;
  • Dados sobre os requisitos básicos exigidos para a respectiva área de interesse;
  • Se é pessoa com deficiência;
  • Se necessita de condições especiais para a realização das provas;
  • Titulação Acadêmica;
  • Informação se atuou como jurado nos termos de Lei Federal nº 11.689/2008.

A taxa de inscrição para todos os cargos é de R$ 15,00.

Classificação do processo seletivo Prefeitura de Barretos

Todos os inscritos serão submetidos a uma prova objetiva, prevista para ocorrer no dia 01 de agosto de 2021. Essa etapa vai cobrar questões de Português, Matemática, Legislação, Atualidades e Conhecimentos Pedagógicos.

Nos dias 02 e 04 de agosto, estão previstas as provas específicas, que cobrarão temas diretamente relacionados aos cargos. Essa etapa vai ocorrer apenas para Professor de Atendimento Educacional Especializado (AEE), de Libras, de Braile, de Inglês, de Português, de Matemática e Educação Básica.

Por fim, todos os inscritos ainda passarão por uma prova de títulos com base nos documentos entregues na inscrição. Serão pontuados títulos como Doutorado, Mestrado e Especialização.

As publicações de resultados e outras informações estarão disponíveis no site da Prefeitura de Barretos e no jornal “Folha de Barretos”, órgão oficial de divulgação da Prefeitura de Barretos.

Compartilhe



Source link

Processo seletivo Prefeitura de Pérola D’Oeste


Processo seletivo Prefeitura de Pérola D’Oeste, no Paraná, abre 14 vagas imediatas, além de formar cadastro reserva.

Oportunidades para profissionais de todos os níveis de escolaridade no processo seletivo Prefeitura de Pérola D’Oeste, estado do Paraná. Estão sendo ofertadas 14 vagas imediatas, além de formar cadastro reserva.

O certame está sob responsabilidade da Faculdade Alfa.

Vagas do processo seletivo Prefeitura de Pérola D’Oeste 

Será ofertada uma vaga imediata para cada um dos cargos a seguir, além de formar cadastro reserva:

Cargos Nível de escolaridade  Vencimento inicial
Agente de Serviços Operacionais Alfabetizado R$ 1.105,17
Agente de Serviços Gerais e Alimentação Alfabetizado R$ 1.105,17
Motorista III Fundamental incompleto R$ 1.729,75
Pedreiro Fundamental incompleto R$ 1.243,57
Operador de Máquinas Fundamental incompleto R$ 1.729,75
Agente de Serviço da Saúde Médio R$ 1.550,00
Técnico em Enfermagem Médio/técnico R$ 1.988,53
Enfermeiro Superior R$ 3.254,33
Psicólogo Superior R$ 3.811,80
Fisioterapeuta Superior R$ 1.905,87
Nutricionista Superior R$ 1.905,87
Fonoaudiólogo Superior R$ 1.905,87
Assistente Social Superior R$ 3.811,80
Técnico em Desporto Superior R$ 1.307,51

Como se inscrever?

As inscrições serão realizadas, exclusivamente via internet, até a data prevista de 24 de junho de 2021.

Basta acessar o site da banca organizadora, Faculdade Alfa, e preencher o formulário de inscrição para o cargo que deseja concorrer. 

Para confirmar a solicitação, será preciso efetuar o pagamento de uma taxa:

  • R$ 50,00 para os cargos de níveis alfabetizado e fundamental incompleto;
  • R$ 70,00 para os cargos de níveis médio e técnico;
  • R$ 120,00 para os cargos de nível superior.

Fases do processo seletivo Prefeitura de Pérola D’Oeste

Os candidatos inscritos poderão ser avaliados nas seguintes etapas:

  • Provas objetivas, comum a todos os cargos, possuindo caráter eliminatório e classificatório;
  • Prova prática, de caráter classificatório e eliminatório, para o cargo de Operador de Máquinas;
  • Exame pré-admissional para verificar se o candidato preenche todos os requisitos para investidura no cargo (todos os cargos).

Provas objetivas

As provas objetivas do processo seletivo Prefeitura de Pérola D’Oeste estão previstas para serem aplicadas no dia 04 de julho de 2021.

Elas serão compostas por 40 questões, distribuídas entre as seguintes disciplinas:

  • Língua Portuguesa: 10 questões;
  • Matemática: 10 questões;
  • Conhecimentos Gerais: 10 questões;
  • Conhecimentos Específicos: 10 questões.

Edital e outras informações

O processo seletivo terá prazo de validade de um ano, contado da data de homologação do certame, podendo ser prorrogado por igual período a critério do Poder Executivo Municipal.

Demais informações podem ser obtidas no edital de abertura. O documento está publicado no site da banca organizadora Faculdade Alfa.

Márcia Andréia

Redatora

Jornalista no Portal Concursos no Brasil, estudou Comunicação Social, com habilitação em Jornalismo, na Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia (UESB), pós-graduanda em Publicidade e Propaganda pela Faculdade Dom Alberto.
Atuou na produção da Record Bahia, na assessoria de comunicação da Prefeitura de Correntina – BA, na redação do Jornal do Sudoeste, dentre outras atividades na área de propaganda.

Compartilhe



Source link